IMITÂNCIOMETRIA 2018-08-20T10:46:53+00:00

CONHEÇA A IMITÂNCIOMETRIA

IMITÂNCIOMETRIA
IMITÂNCIOMETRIA

Exames Imitânciometria

Exame que avalia o funcionamento da orelha média (membrana timpânica, ossículos, tuba auditiva) e os reflexos acústicos, e oferece dados importantes para o diagnóstico clínico.

É colocada uma pequena sonda no ouvido do paciente e, após sentir uma leve pressão, o mesmo ouve alguns estímulos sonoros em um fone no ouvido contralateral, que gera as respostas do grau de deslocamento do sistema tímpano-ossicular em resposta a variação de pressão ou ao estímulo sonoro.

Indicado para confirmar os achados da audiometria tonal, controle de tratamento de otites (dores de ouvido), exame de rotina no pré e pós-cirúrgico da orelha média, avaliar o local lesado em caso de paralisia do nervo facial e pacientes com quadro vertiginoso.

Pode ser realizado em todas as idades, inclusive em recém-nascidos.

Para que serve?

Auxiliar no diagnóstico de alterações de condução do som pela orelha externa e média, por meio de sonda inserida no canal do ouvido.

Localizar e identificar a lesão auditiva.

Atendimento: 0800 052 9191 ou

Enviar WhatsApp

CLIENTES OUVINDO COM MAIS QUALIDADE!

Foi com 24 anos quando estourei meu tímpano mergulhando. Para entender melhor as pessoas eu colocava a mão no ouvido em formato de concha, assim captava melhor o som. A vida sem audição certa, sem poder escutar as pessoas falando é muito difícil. Poder escutar normalmente mudou a minha vida.

Irineu Rau, Joinville / SC

A melhor coisa que veio para Florianópolis, foi a a loja da Digsom, com produtos de implante coclear e o suporte técnico para nós, implantados. Foi a melhor coisa que poderia ter acontecido! Vamos encontrar aqui, bem pertinho, todos os produtos necessários.

Eliane Schmeil, Florianópolis / SC

Tive 3 opções: Ficar surda, fazer cirurgia que custava 5 mil cada lado ou por aparelho auditivo. Forneceram pra mim o aparelho auditivo através da Digsom e desde então não consigo mais ficar sem. A sensação é de vida nova.

Simone Cristina, Joinville / SC

As pessoas da família começaram a reclamar que eu não escutava, dai comecei a reparar que eu tinha dificuldades para escutar as pessoas falando. Foi ai que notei a deficiência de audição. Era muito difícil não ouvir e agora com o aparelho consigo escutar muito bem.

Renato Harger, Joinville / SC